Como cuidar do seu vício

Você é um chocólatra? Todo mundo aprecia um docinho algumas vezes, porém se você não é capaz de passar o dia sem um pedaço de chocolate, é capaz que você possui um problema. Até qualquer pessoa com o paladar mais doce pode superar essa dependência. Perceba se você é viciado nessa gostosura e descubra o que fazer para deixar de ser um dependente.
vicio-por-chocolate O primeiro passo é localizar os indícios. Nem todos os estudiosos no campo da psicologia enxergam o desejo acentuado por chocolate como um legítimo vício. Em contrapartida, alguns pesquisadores consideram que a liberação de endorfinas proporcionada pela ingestão de chocolates cria uma compulsão física para adquirir um excelente humor, sugerindo que seja possível se viciar pela guloseima.
Veja se você sente que seu desejo por chocolates é definitivamente verdadeiro e bastante difícil de administrar. Estes podem ser alguns dos sinais: Você se sente “condicionado” e passa a precisar do doce em determinados momentos do dia, como após o almoço, por exemplo? Apenas de imaginar o chocolate ou notá-lo na prateleira do hipermercado faz você salivar? E, na ocasião em que você está ansioso, comer um chocolate faz você se sentir mais descontraído e radiante?
Respondidas as perguntas afirmativamente e confirmada a sua dependência por chocolates, examine se isto é um problema em sua vida. Pergunte-se se a absorção em excesso da guloseima fez um estrago na sua dieta, ampliando seu peso e diminuindo sua ingestão de alimentos com alto teor nutricional. (Embora o chocolate possua determinados benefícios, o teor de gordura e sacarose são bem elevados).
Analise se você não se sente radiante até que tenha comido chocolate ao longo do dia. Para conseguir o chocolate você chega a desviar do seu itinerário para o trabalho com o objetivo de obter o doce, sentindo pânico de imaginar ficar sem ele a seu alcance.
Você inclusive é capaz de até estar tendo enxaquecas após consumir chocolate, mas nem o fato de você vincular a dor à ingestão do doce faz você refletir em parar de ingeri-lo.

Tente localizar o que causa o vício

vicio-por-chocolate Você já se julga um chocólatra, já sabe que isso não é interessante para sua saúde, todavia ainda não sabe o porquê deste vício. É hora de localizar a razão. Há uma sucessão de possibilidades que são capazes de estar alimentando seu vício por chocolate. Os problemas emocionais são uma delas. Você está sentindo-se abatido, agoniado, deprimido, desapontado, desassossegado com situações mal resolvidas e o chocolate se tornou uma relevante fonte de elevação do seu humor.
Outra causa é capaz de ser a troca de uma alimentação pelo chocolate. Você está com fome e o chocolate é aproveitável, prontamente disponível e nada caro. Isso é capaz de ser pessoalmente estimulante se este doce encontrar-se na sua gaveta do trabalho ou na bolsa. Ou, provavelmente você esteja de dieta e você se sinta desprovido de alimentos gostosos, que você geralmente adoraria comer, então você está escapando, sem ter em mente a quantidade calórica da guloseima na sua dieta.
Após localizar a causa, trate-a de maneira saudável e tranquila. Mesmo que você seja alérgico ao chocolate, você não precisa desistir totalmente dele, contudo minimizar sua absorção. Há alguns meios para controlar seus desejos por chocolates. O mais importante é tomar a decisão de parar de consumir de forma excessiva a guloseima e de usá-lo como uma válvula de escape. É fundamental querer essa mudança, do contrário, você não vai conseguir.
Procure uma fonte de energia alternativa, ingerindo mais proteínas e sementes no almoço. Coma vegetais, tenha certas nozes e sementes na bolsa, coma bolachas sem gordura e beba mais água. Coma chocolates apenas como um agrado ocasional e não como um lanche.
Diminua a porção de chocolate consumido a cada semana. E, ao comê-lo, foque-se em usufruir e prolongar a experiência. Experiencie uma barra de chocolate de cacau de oitenta por cento (isto conterá muito menos açúcar). Mude a rota no hipermercado e procure não passar pelas gôndolas de doces. Não há nada nutritivo naquele corredor!
Compreenda o que esperar, visto que você diminui a ingestão de chocolate. Você pode vivenciar sintomas de abstinência como os da cafeína e você pode ser tentado a trocar o chocolate por outras guloseimas como doces, bolachas e pudins.